REDES SOCIAIS AMIS Facebook Twitter Youtube

AMIS



Supermercados de BH iniciam planejamento para a Semana Santa e Páscoa - 23/01/2018



A Semana Santa e a Páscoa são alguns dos melhores momentos para o varejo. O evento festivo é a primeira grande oportunidade do ano para aumentar as vendas e consequentemente a sua lucratividade.  No Brasil, a data será celebrada no dia 1º de abril.

 

Apesar do bom cenário de recuperação econômica, os varejistas que não se planejarem com antecedência, terão grandes dificuldades para conseguir atrair clientes, que estão cada vez mais exigentes e cautelosos, além da grande concorrência no segmento.

 

Em algumas redes, como o Decisão Atacarejo, o planejamento para essa época do ano já foi iniciado em dezembro, afirma a gerente de marketing da rede, Valéria Bax. “Nós já iniciamos o nosso planejamento de para esta época do ano. Geralmente é realizado em dezembro e janeiro”, afirma Valéria.

 

Rendimento

 

A Semana Santa é uma época que pode alavancar altos rendimentos para os supermercados devido ao feriado prolongado e muitas tradições culturais, que estimulam o consumo de itens comuns desse período como vinhos, peixes e variedade de chocolates.

 

Os chocolates costumam ser o carro-chefe do período pascal, que de acordo com a Associação Brasileira da Indústria e de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab), cerca de 63% dos consumidores possuem o hábito de presentear com chocolates nesta data.

 

Mas também é importante se atentar para a ceia, que geralmente tem pratos que levam o bacalhau além de outros pescados que tem alta procura nesse período assim como os vinhos que estão entre as principais bebidas de acompanhamento da refeição pascal.

 

Planejando

 

Na verdade, o planejamento para essa época de ser ainda em janeiro, período pré-carnavalesco, quando de fato, se inicia o levantamento de itens a serem comprados, buscando identificar aqueles produtos de maior saída e que contribuem para o impulsionamento das vendas.

 

No caso do supermercado de vizinhança Vem Que Tem, localizado na região Norte de Belo Horizonte, o planejamento é iniciado em janeiro onde procuram dar prioridade para  produtos com preços mais acessíveis, de acordo com o proprietário da rede, Adalmário Rodrigues. 

 

É preciso reforçar o estoque de pescados, uma vez que devido à tradição cristã de não comer carne vermelha durante a Quaresma (período entre a Quarta-feira de Cinzas e a Páscoa), muitos acabam optando pelos peixes e ovos de galinha, mais em conta para o consumo diário. De acordo com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), a procura por peixes praticamente dobra nesta época do ano. Além do bacalhau, o filé de pescada, tilápia e o salmão, são os favoritos no momento da compra.

 

Chocolate

 

Embora os ovos de páscoa tenham perdido o forte apelo que tiveram durante décadas, o ano passado de 2017 surpreendeu com um aumento de 16%  nas vendas, segundo levantamento realizado pela NeoGrid/Nielsen.

 

De acordo com o levantamento, apesar da baixa perspectiva da economia em 2017, o varejo supermercadista teve êxito nas vendas de produtos típicos de Páscoa nas duas semanas que antecederam o feriado. A quantidade de ovos de Páscoa vendidos aumentou 16% em relação ao mesmo período de 2016, enquanto as vendas de chocolates em geral, como caixas e barras, cresceram 10,7% .

 

Planejando as compras

 

Além dos itens comuns, esta é uma época em que outras bebidas alcoólicas como cervejas e destilados tem uma leve queda até a refeição pascal. Mas em compensação, no dia da comemoração pascal, o consumo aumenta de forma significativa, assim como as carnes vermelhas, que são requisitadas para fazer aquele churrasco no domingo de Páscoa.

 

Detalhes como este, são cruciais no planejamento da compra do estoque para o período. Mas também é necessário observar o comportamento dos clientes nesta época, pois nem todos adotam a tradição cristã nesta época. Ter um estoque equilibrado com esses itens talvez seja o ideal, apesar de não poder comprar além da conta, não pode deixar faltar nada nas gôndolas. Por isso, fazer um levantamento dos produtos que tiveram a melhor saída de acordo com o último balanço realizado, é fundamental.

 

Adalmário Rodrigues afirma que no Vem Que Tem, não há redução de consumo de carnes vermelhas durante o período.  “Nossa venda de carne vermelha não sofre alteração nessa época, talvez pelo fato de muitos não seguirem mais essas tradições e também pela diversidade de crenças, isso não afetou as vendas durante o período”, disse Rodrigues.

 

A compra dos ovos de páscoa deve ser muito bem negociada junto aos fornecedores, pois deve ser levado em conta as últimas vendas, além das perdas que ocorrem normalmente. A parceria fornecedor e comprador deve estar bem alinhada quanto aos objetivos e projeções de vendas.  “Já estamos trabalhando as negociações com os fornecedores e procuramos reforçar o nosso estoque com azeites, peixes, chocolates e vinhos”, disse Valéria Bax.

 

Tendências

 

Todos anos, as grandes indústrias de chocolate lançam novos produtos com o intuito de inovar e alavancar vendas que não ficam presas somente ao produto convencional. Ovos com brinquedos e com embalagens diferenciadas podem atrair a atenção do consumidor, principalmente se for para presentear crianças e adultos.

 

Produtos típicos como a colomba pascal também faz parte do mix de produtos desta época e que deve ser levado em consideração, já que faz parte da tradição. Um produto que pode ser comprado ou produzido pelo próprio supermercado, caso haja uma padaria.

 

Estratégia de vendas

 

Para iniciar uma boa estratégia de vendas é necessário, antes de tudo, que o supermercado entre no clima de Páscoa.  Invista em estratégias de marketing sensorial como degustações e espaço personalizado para influenciar as decisões de compra do consumidor.

 

Expor itens pascais como coelhos de pelúcia, cenouras, cestos com ovinhos de chocolate, e decorações temáticas coloridas e alegres. Considere também colocar músicas temáticas para tocar e tornar o ambiente mais agradável e lúdico.

 

Uma boa dica é expor itens de Páscoa como ovos de chocolate próximo ao caixa, ou balcão de pagamento, é uma excelente forma de influenciar o consumidor a comprá-los no momento da saída de sua loja.

 

Além de vender o produto, a rede Decisão Atacarejo procura estimular a venda dos ingredientes por meio da sua escola de culinária, que oferece um cronograma  específico baseado na produção de produtos típicos da época, direcionado a pessoas que queiram incrementar a renda por meio da venda desses produtos, explica a gerente de marketing da rede, Valéria Bax.

 

Promoções

 

Apesar de ser um período em que naturalmente a presença do consumidor vai crescer, é necessário atrair os clientes para a loja por meio de promoções com os principais itens da época. Mas calma, não vá saindo reduzindo a margem sem pensar muito, até por que os consumidores estão mais que cientes que a grandes promoções acontecem após a data comemorativa. Tanto, que muitos deixam para comprar alguns itens, como ovos e outros chocolates após o domingo de Páscoa. Promoções gradativas, de um vinho, ou do bacalhau, vai atrair aos poucos seus clientes que estão em busca dos itens para a ceia, assim como os chocolates para dar de presente. 


ONDE ESTAMOS

Rua Levindo Lopes, 357 - 6º andar - Funcionários Belo Horizonte - MG

EMAIL

amis@amis.org.br

LIGUE

(31) 2122-0500
Facebook Twitter Youtube



© Copyright 2013 - AMIS - Associação Mineira de Supermercados. Todos os direitos reservados.