REDES SOCIAIS AMIS Facebook Twitter Youtube
AMIS



Mudança de hábitos alimentares favorece aposta em produtos saudáveis nas gôndolas - 28/12/2017



De acordo com estudo realizado pela Nielsen, as inovações responderam por 4% do valor das vendas na cesta de saudáveis. Em alimentos saudáveis, os lançamentos de sucesso de 2016 superam em volume os lançamentos de 2015.

 

A busca por alimentos mais saudáveis vem ganhando força no mercado brasileiro. Com 52% da população acima do peso, de acordo com dados sobre Global Health, a população está tomando ações para modificar seus hábitos alimentares em busca de um estilo de vida mais saudável. Dentre as mudanças nesses hábitos, destacam-se a busca por alimentos com menor quantidade de gorduras e açúcares, bem como o aumento da procura por alimentos frescos e naturais.

 

O contexto econômico desfavorável, contudo, deixa os fabricantes inseguros quanto à decisão de investir em novos produtos. O nosso último Estudo Global sobre Confiança do Consumidor aponta que, após a crise, 44% dos consumidores brasileiros tendem a trocar suas marcas de preferência por outras mais baratas. Entretanto, as transformações no comportamento do consumidor em direção ao consumo de saudáveis parecem contrabalancear os efeitos da retração econômica. Em média, 56% mais caros do que os produtos regulares do mercado, a cesta de saudáveis vem crescendo em importância nos últimos anos, muito impulsionada pelas inovações.

 

No último ano, os lançamentos tiveram importância semelhante tanto na cesta de alimentos e bebidas saudáveis quanto na de não saudáveis. Na cesta de saudáveis, as inovações responderam por 4% do valor das vendas, enquanto os não saudáveis contribuem com 3% para sua cesta. A principal diferença, porém, surge na comparação entre a mortalidade dos lançamentos saudáveis e não saudáveis. Na cesta de alimentos saudáveis, os lançamentos de sucesso de 2016 superam em volume os lançamentos de 2015 que deixaram de ser vendidos. Na cesta de não saudáveis, por sua vez, essa relação gera um déficit de 8% em volume. Em outras palavras, os lançamentos de sucesso da cesta de não saudáveis não estão conseguindo repor o volume dos produtos que foram lançados anteriormente e foram descontinuados no último ano.

 

Na tentativa de reverter esse quadro, muitas categorias da cesta de não saudáveis vêm sendo trabalhadas em forma de lançamentos que possam trazer um pouco mais de saúde para a mesa do consumidor. No último ano, em 30% das categorias de não saudáveis, ao menos um dentre os três principais lançamentos estava relacionado à propostas de saudabilidade. Biscoitos e pães com ingredientes integrais, redução de açúcar e adição de fibras em modificadores de leite, opções de derivados de leite sem lactose e refrigerantes com opções de adoçantes mais naturais são alguns exemplos das inovações em que os fabricantes desse mercado estão apostando para voltar a crescer no cenário atual.

 


ONDE ESTAMOS

Rua Levindo Lopes, 357 - 6º andar - Funcionários Belo Horizonte - MG

EMAIL

amis@amis.org.br

LIGUE

(31) 2122-0500
Facebook Twitter Youtube



© Copyright 2013 - AMIS - Associação Mineira de Supermercados. Todos os direitos reservados.